LAbI-UFSCar: De uma revista clássica às redes sociais, uma história de 10 anos dedicados à divulgação da C&T

Resumo:  O Laboratório Aberto de Interatividade para a Disseminação do Conhecimento Científico e Tecnológico (LAbI), vinculado à Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), atua desde 2006 no desenvolvimento de produtos e processos de divulgação científica, bem como na produção de conhecimento sobre as estratégias e metodologias adotadas. No marco da celebração dos 10 anos dessas atividades, o presente trabalho objetiva descrever essa trajetória – que, se de um lado tem a permanência de referenciais teóricos e metodológicos, de outro vai se alterando ao longo do tempo em relação à concretização desses referenciais nos produtos e processos que resultam do trabalho realizado – e, ao descrevê-la, promover também a reflexão sobre desafios a serem priorizados ao longo dos próximos 10 anos, não apenas no âmbito do LAbI, mas também dos esforços mais gerais de disseminação do conhecimento científico e tecnológico.

Assim, inicialmente, são abordados justamente os referenciais teóricos e metodológicos que têm guiado a ação do Laboratório: a interdisciplinaridade; o conceito de cultura científica; a abordagem das relações entre Ciência, Tecnologia, Sociedade e Ambiente (CTSA); o entendimento da divulgação científica como interpretação e produção de um discurso próprio, e não como “tradução” do discurso da Ciência; o conceito de “espaços educadores”, que amplia a noção de espaço físico para considerar também as dimensões culturais, sociais e históricas desses espaços; o uso criativo e crítico das tecnologias digitais de informação e comunicação (TDICs); e a afirmação da relevância da educação para as mídias. Em seguida, são apresentados os produtos e processos que resultaram da aplicação desse referencial – que vão desde a revista eletrônica de divulgação científica “ClickCiência”, que deu origem ao Laboratório, passando por exposições interativas, um conjunto grande e diversificado de produções em vídeo, radionovelas e outras produções radiofônicas, até o museu a céu aberto e virtual “Caminhos do Conhecimento” e a utilização intensiva das redes sociais, que constituem prioridades do LAbI neste momento. Por fim, à luz desses referenciais e dessa trajetória, são apresentadas reflexões sobre potenciais e limitações dos resultados já obtidos, em diálogo com o contexto mais amplo dos esforços de divulgação científica e da produção de conhecimento sobre a área, em especial no Brasil.

Palavras – Chave: Divulgação científica, Cultura científica, Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação

Descrição: PEZZO, M. R. ; OLIVEIRA, A. J. A. ; FABRÍCIO, T. M. . LAbI-UFSCar: De uma revista clássica às redes sociais, uma história de 10 anos dedicados à divulgação da C&T. In: 15º Congreso de la RedPOP 2017 – CONEXIONES, nuevas maneras de popularizar la ciencia, 2018, Buenos Aires. 15º Congreso de la RedPOP 2017 – CONEXIONES, nuevas maneras de popularizar la ciencia – Libro de Memorias. La Plata: Universidad Nacional de La Plata, 2017. p. 315-320.

BAIXE AQUI

Laboratório Aberto de Interatividade
Holler Box